Argentina_Serrinha_PoncedeLeon Red Bull Photofiles

Além de velocidade, Daniel Serra tem mostrado versatilidade na temporada 2009: o piloto da Red Bull Racing na Stock Car conquistou vitórias na própria Stock, na GT3, no Brasileiro de Endurance e, nesse domingo (29/11) na Argentina, seu primeiro triunfo na TC2000, principal categoria do automobilismo hermano.

E veio de forma espetacular, a conquista ao lado do piloto argentino Gabriel Ponce de Leon na etapa de Potrero de los Funes, circuito de rua localizado no oeste do país. Partindo em 26º no grid, Serrinha, mesmo sem jamais ter guiado o Ford Focus da TC2000 na chuva, aproveitou a pista molhada para ganhar posições.

Ao final da primeira volta, o paulista já era o 14º. No pit stop para troca de pilotos na metade da prova, Serrinha entregou o carro para Ponce de Leon em 11º.

O tempo então ajudou: a pista começou a secar e, saindo dos pits com pneus slick, Ponce de Leon ganhou terreno sobre os pilotos que permaneceram na pista, ainda com pneus de pista molhada.

O piloto argentino aproveitou uma relargada para saltar para segundo, mas levou a pior em uma dividida com Jose Maria Lopez – piloto que garantiu o título da TC2000 nesse final de semana – e caiu para oitavo. Ponce de Leon se recuperou com quatro ultrapassagens e, aproveitando-se também de abandonos, cruzou a linha de chegada mais de 10 segundos à frente do segundo colocado.

A vitória na Argentina soma-se a outros resultados expressivos de Serrinha na temporada: vitória na etapa do Rio de Janeiro tanto na Stock quanto na GT3 (esta em parceria com Chico Longo, de Ferrari F430), quatro poles na GT3, e ainda outra vitória com Longo, nos tradicionais 500km de Interlagos, válidos pelo Campeonato Brasileiro de Endurance.

“Foi uma corrida bem movimentada”, resumiu Serrinha. “Largamos bem atrás e com pista molhada. Nunca tinha guiado o carro de TC2000 na chuva, mas me adaptei rápido e consegui entregar o carro para o Gabriel já em uma condição melhor, perto dos 10 primeiros.

“Fomos um dos primeiros a parar enquanto a pista secava, o que nos ajudou a ganhar terreno. Depois o Gabriel fez uma grande relargada e chegou a andar em segundo, mas errou e caiu para oitavo. Mesmo assim se recuperou, e também tivemos um pouco de sorte com acidentes e quebras de outros pilotos. Mas o automobilismo é assim mesmo, é preciso sempre um pouco de sorte para vencer”, concluiu.

O companheiro de Red Bull Racing de Serrinha na Stock Car, Cacá Bueno, também esteve em Potrero de los Funes. Cacá dividiu um Honda Civic com Juan Manuel Silva, mas uma quebra na 24ª volta impediu o tricampeão da Stock de brigar pela vitória.

E a correria continua para Serrinha e Cacá: a dupla volta a defender as cores da Red Bull Racing na última etapa da Stock Car 2009, nesse domingo (6/12) em Interlagos. Cacá já garantiu o título de 2009 por antecipação há duas semanas em Tarumã, enquanto Serrinha aguarda decisão do Tribunal da CBA sobre punição recebida no RS para voltar à briga pelo vice-campeonato.


Comentários

    Adicionar um comentário

    * Todos os campos são obrigatórios
    Até 2000 caracteres :
    Escreva a palavra à esquerda e clique em "Publicar comentário":

    Detalhes