Loeb em forma com vitória na Etapa 3 do Dakar 2016

Francês vence a segunda etapa consecutiva e deslumbra mundo dos ralis com a sua performance
Por Tim Sturtridge, Anthony Peacock, Joseph Caron Dawe

Tivemos outro dia de ação intensa e algumas surpresas no Rali Dakar, com a terceira etapa a levar os pilotos para o norte da Argentina, de Termas de Rio Hondo a Jujuy.

Carros: Loeb vence novamente

O início incrível do rookie Sébastien Loeb teve continuidade com a segunda vitória consecutiva na competição, algo impensável até poucos dias atrás.
A sua performance pode ser resumida como encantadora, no mínimo. Ele liderou toda a etapa e não vacilou sob pressão, terminando cerca de um minuto e meio à frente do companheiro de equipa Carlos Sainz.
O atual campeão, Nasser Al-Attiyah teve um dia mais positivo em comparado aos anteriores e foi o terceiro classificado, com Giniel de Villiers a ganhar terreno em quarto e Mikko Hirvonen a apresentar novamente um ótimo desempenho em quinto, ficando alguns segundos à frente de Stéphane Peterhansel.
Este resultado isolou Loeb na liderança da geral, com De Villiers a alcançar o segundo lugar de Peterhansel.

Classificação geral
1. Sébastien Loeb (FRA), Peugeot, 6h01m42s
2. Giniel de Villiers (RSA), Toyota, +5m3s
3. Stéphane Peterhansel (FRA), Peugeot, +5m15s 

Motos: Svitko chega à liderança após punição a Barreda

Joan Barreda comemorou temporariamente a vitória na etapa 3, mas uma punição de 60 segundos no seu tempo final empurrou-o para quinto. Isso elevou Kevin Benavides ao topo para delírio dos argentinos, seguido de Paulo Gonçalves e Antoine Meo.
O vencedor do dia anterior, Toby Price ficou apenas em 37º e Stefan Svitko, que teve uma prestação regular no terceiro dia, fica na liderança 34 segundos à frente de Benavides e a 46 de Barreda.

Classificação geral
1. Stefan Svitko (SVK), KTM, 6h27m04s
2. Kevin Benavides (ARG), Honda, +34s
3. Joan Barreda (ESP), Honda, +46s

Marcos Patronelli
Marcos Patronelli © Marcelo Maragni/Red Bull Content Pool

Quads: Baragwanath vence numa bela disputa

Foi numa vitória arrancada a ferros que Brian Baragwanath superou Ignacio Casale. Foram apenas quatro segundos de diferença entre os ele e Ignacio Casale. Porém, o atual campeão segue na liderança.

Classificação geral
1. Ignacio Casale (CHI), Yamaha, 7h0m40s
2. Brian Baragwanath (RSA), Yamaha, +3m56s
3. Marcelo Medeiros (BRA), Yamaha, +6m58s

 

Camiões: Kolomy ganha etapa encurtada

Um deslizamento de terra fez com que os camiões completassem apenas duas intermediárias da etapa, com a vitória a sorrir a Martin Kolomy, 17 segundos à frente de Hans Stacey, o líder da competição.

Classificação geral
1. Hans Stacey (HOL), MAN, 4h18m18s
2. Pieter Versluis (HOL), MAN, +26s
3. Federico Villagra (ARG), IVECO, +1m21s

read more about
Next Story