Futebol

5 cidades mais fanáticas por futebol do mundo

Nas capitais da bola, a paixão pelo futebol é vivida a cada instante
Escrito por Impedimento
4 min de leituraPublicado em
Cidade
Cidade
A primeira coisa que um turista fanático faz depois de escolher seu destino é procurar saber o que rola relacionado ao futebol por lá. Estádios, times, bares temáticos, e por aí vai. Resolvemos facilitar a vida dos torcedores viajantes com um ranking das cidades que vivem o futebol à flor da pele. Prepare o passaporte e solte o grito no aeroporto.

1. Cidade do México

Pimenta, sombrero e futebol. Vamos para o México?
Pimenta, sombrero e futebol. Vamos para o México?
Poucos povos são tão chegados numa festa quanto os mexicanos. Acrescente aí a paixão pelo futebol e temos uma combinação perfeita, especialmente na Cidade do México, que tem uma região metropolitana com mais de 20 milhões de habitantes. Além de contar com vários clubes, como Pumas, Cruz Azul e América, que tem uma das maiores torcidas do mundo, a capital mexicana ainda sediou duas finais de Copa do Mundo, em 1970 e 1986. Os mexicanos também inventaram a “Ola” e desde 1970 tem uma relação de amor com a seleção brasileira. Definitivamente, alucinados por futebol.
Nível de fanatismo: elevado como a graduação alcoólica da tequila.

2. Rio de Janeiro

Maracanã: mais que estádio, um templo do futebol
Maracanã: mais que estádio, um templo do futebol
Falar no Brasil é falar de futebol. E também de Rio de Janeiro. Então temos aí praticamente um triângulo amoroso que tem a bola como objeto de adoração. O futebol carioca tem quatro grandes clubes, além do Maracanã, tradicional casa da seleção e templo histórico do futebol. E aquelas bandeiras de diversos times tremulando nas praias fazem qualquer torcedor se sentir um pouco em casa. Andar pelo Rio é respirar futebol.
Nível de fanatismo: empolgante como o ronco da cuíca em plena Sapucaí

3. Londres

Nem o London Eye consegue acompanhar tanto futebol
Nem o London Eye consegue acompanhar tanto futebol
Os ingleses não apenas inventaram o futebol como se encarregaram de amá-lo para o resto dos tempos. Exemplo perfeito disso é Londres, cidade em que o futebol está por todos os lados. Além de grandes clubes como Chelsea, Arsenal e Tottenham, há cerca de outros sessenta times espalhados pela capital inglesa. Uma visita ao mítico estádio de Wembley é obrigação moral para qualquer torcedor. E Londres, um destino imperdível para qualquer turista futeboleiro.
Nível de fanatismo: proporcional ao número de pints consumidos nos pubs em jogo da Inglaterra. Ou seja, incalculável.

4. Istambul

O fanatismo turco não é para amadores
O fanatismo turco não é para amadores
Sobre a maior cidade da Turquia, basta dizer que abriga um dos maiores clássicos do mundo. Uma rivalidade inclusive geográfica, já que o Galatasaray fica no lado ocidental de Istambul, enquanto o Fenerbahce está na parte asiática, separados pelo estreito de Bósforo. E ainda há um terceiro elemento, o Besiktas, que também promove clássicos acirrados conta os outros dois. O fanatismo turco é tão grande que, quando o meia Alex resolveu deixar o Fenerbahce, uma multidão de torcedores acampou em frente à sua casa. Segundo o jogador, a confusão foi tanta que até seu gato sumiu.
Nível de fanatismo: O McDonald's próximo ao estádio do Fenerbahce não usa o vermelho, cor do Galatasaray. Precisa mais?

5. Buenos Aires

Ninguém sofre com futebol como os argentinos
Ninguém sofre com futebol como os argentinos
Se tem algo que faz os argentinos entrarem em delírio, isso se chama futebol. E Buenos Aires é o epicentro desta paixão. Os cinco principais clubes argentinos (Boca, River, San Lorenzo, Racing e Independiente) estão na Capital, que conta ainda com dezenas de clubes e estádios (se contarmos a região metropolitana, passam de 30). Há futebol praticamente todos os dias na cidade, e para todos os gostos, desde o amador até a primeira divisão. Tão intensa é a relação dos porteños com o futebol que recentemente a revista inglesa Four Four Two escolheu os maiores clássicos do mundo e a primeira colocação ficou com Boca Juniors x River Plate, que mobiliza praticamente o país inteiro.
Nível de fanatismo: tão sentimental quanto o tango mais dramático já cantado.
E aí, já conhece o Neymar Jr’s Five? É o torneio de futebol no estilo 5x5, que acontece em mais de 40 países. A final mundial vai rolar dia 9 de julho, no Brasil. Ficou curioso? Acesse o site e saiba mais aqui!