Fernanda Maciel
© The North Face Brasil
Corrida

Os melhores wearables para dar um gás no treino em 2019

Nossa seleção vai de tênis de corrida e aventura à foam rollers vibratórios para aliviar a musculatura pós treino. Confira!
Escrito por Juliana Vaz
5 min de leituraPublicado em
Tecnologia e fitness são quase sinônimos de um universo que não dá o menor sinal de perder o fôlego: a partir deste ano, inovações high-tech estarão mais acessíveis para o público final, segundo a empresa de previsão de tendências de consumo WGSN. Sedento por novidades? A tecnologia continuará moldando o modo como nos comportamos e praticamos esportes. Elegemos 12 lançamentos para dar ainda mais motivação para o treino.

Pedal mais seguro à noite

Lunos

Lunos

© Lumos Helmet

Considerado umas das maiores invenções de 2018 pela revista americana TIME, o capacete Lumos Helmet é o primeiro capacete responsivo para bikers: tem leds que indicam freadas e mudanças de direção laterais. O capacete tem bateria com duração de até seis horas e conecta-se via bluetooth a uma espécie de controle remoto, que fica no guidão da bike, ou ao Apple Watch que reconhece a movimentação do punho e, assim, emite a luz que indica a mudança de direção do ciclista.

Fones de ouvido Bose com noise cancelling

QC35 headband, Bose. U$ 349
QC35 headband, da Bose

QC35 headband, da Bose

© Bose

Nada entre você e a música. Sem fio e com 20 horas de bateria, mas se ela chegar ao fim, bastam 15 minutos de carga para ganhar 2,5h logo de cara. Performance de áudio aprimoradas e a qualquer volume, transforma como você ouve ligações, podcasts e, claro, música. Um pequeno botão Action ativa o Google Assistent ou regula a redução de ruídos em três níveis diferentes.

Tecnologia em tecidos e design utilitário

Fibras sintéticas de isolamento térmico, The North Face
Fibras sintéticas de isolamento térmico, The North Face

Fibras sintéticas de isolamento térmico, The North Face

© The North Face

As fibras de isolamento térmico foi desenvolvida pela marca a fim de substituir o uso de plumas de ganso, mas que mantivesse o mesmo desempenho. São jaquetas, luvas e coletes com essa tecnologia, que garante o controle de temperatura mesmo se a peça estiver molhada. E mais: as jaquetas da linha são compressíveis e podem ser guardadas dentro do próprio bolso ocupando menos espaço na bagagem (ou ainda tornando-se um bom travesseiro).
Top Sear, Authen. R$ 159
Top Sear, Authen

Top Sear, Authen

© Top Sear

Um bolso nas costas (sim, isso mesmo) permite carregar o celular, o dinheiro para a água de coco pós treino ou o gel de reposição de carboidratos. A parte frontal é reforçada para treinos intensos e o tecido conta com proteção solar FPS 50+.
Shorts masculino HighTech Emana II, Fila. R$ 129
Shorts da Fila

Shorts da Fila

© Fila

Confeccionada em tecido de compressão em poliamida e elastano com tecnologia EMANA®, permite mais ajuste ao corpo e melhora a circulação sanguínea em áreas específicas a fim de diminuir a fadiga muscular. Os recortes anatômicos em tecido telado melhoram a respiração da pele e a troca de calor com o ambiente.
Transform Luxe Tight, New Balance. R$ 349
Transform Luxe Tight, New Balance

Transform Luxe Tight, New Balance

© New Balance.

Além de acelerar a evaporação do suor, o tecido com tecnologia NB Fresh tem tratamento antimicrobiano evitando assim o mau odor de bactérias.
Jaqueta ColdGear Reactor Hybrid, Under Armour, R$ 799
Jaqueta ColdGear Reactor Hybrid, Under Armour

Jaqueta ColdGear Reactor Hybrid, Under Armour

© Under Armour

Confeccionada com a tecnologia ColdGear Reactor, se adapta ao nível de atividade do atleta para proporcionar a quantidade certa de respirabilidade e aquecimento.

Corra melhor

Wave Sky 2 IRONMAN, Mizuno. R$ 799
Mizuno Wave Sky 2 Tri

Mizuno Wave Sky 2 Tri

© Mizuno

Com a chancela da principal prova de triathlon mundial, o modelo tem drop de 10mm e é ideal para pisadas neutras. A tecnologia smoothride proporciona flexibilidade para as regiões de maior impacto do pés. Um dos destaques do design é o cadarço elástico que facilita o calce do tênis.
Duas novas versões dos modelos de corrida chegam nesse primeiro semestre às lojas:
Epic React Flyknit 2, Nike. R$ 699
Epic React Flyknit 2, Nike.

Epic React Flyknit 2, Nike.

© Nike

O novo modelo chega em fevereiro ao Brasil e tem calcanhar reajustado para proporcionar mais estabilidade e um solado com diferentes profundidades e a entressola ganhou uma nova espuma (a React) que proporciona mais amortecimento, logo reduz o impacto com o solo, e 10% a mais de retorno de de energia.
Ultraboost 19 Laser Red, Adidas. R$ 899
Adidas Ultraboost

Adidas Ultraboost

© Adidas

A nova versão do clássico de corrida da marca tem 20% de espuma na entressola; drop de 10mm no calcanhar e 19mm na ponta do pé.

Smartwatches e monitores

Garmin Fenix

Garmin Fenix

© Garmin

O gadget essencial para corredores ganha nova versão adaptada ao público fitness. O mais recente lançamento da Garmin, Fênix 5 plus, monitora o desempenho desde calorias gastas, estimativa de VO2 máximo à saturação de oxigênio no sangue, durante diferentes atividades físicas, sejam treinos de SUP, yoga, pedal ou snowboard. Quer ouvir sua playlist? Sem problemas! Dá para acessar seu perfil no Deezer e Spotify também.
Rolo de liberação miofascial vibratório

Rolo de liberação miofascial vibratório

© Divulgação

O acessório que brilhou no ano passado, ganha uma versão 2.0, que promete potencializar os efeitos da massagem por meio da vibração mecânica. A proposta é que as ondas vibratórias aumentem a viscoelasticidade da fáscia, um tecido conectivo fibroso que reveste as musculaturas e torna-se rígido, prejudicando a recuperação muscular, limita a mobilidade e até mesmo a distribuição de nutrientes aos tecidos. Referência na criação de produtos de recuperação muscular a Hyperice passa a ser comercializada no Brasil, o Vyper 2.0, da Hyperice, e da nacional ProAction Sports. Ambos vibram em diferentes velocidades e têm bateria recarregável.