Escalada

Assista ao desafio mais incrível de Felipe Camargo

© Marcelo Maragni / Red Bull Content Pool
Escrito por Chris Van Leuven, com adaptação de Bruno Fonseca
Em abril de 2019, brasileiro tornou-se o primeiro sul-americano a escalar uma via com dificuldade 9b
"Ele detonou", disse Alex Honnold (protagonista do documentário vencedor do Oscar "Free Solo") sobre Felipe Camargo quando, em 2016, os dois foram para Getu, na China, escalar uma das mais longas e difíceis vias de caverna do mundo. O brasileiro não brinca em serviço: é hoje um dos melhores escaladores do planeta.
Aos 28 anos, Felipe escalou este ano sua via mais difícil: foi o primeiro sul-americano a conquistar uma 9b, a El Bon Combat, em Oliana, na Espanha. É este desafio que é mostrado no filme "The Good Fight", uma produção da Red Bull TV.
Assista abaixo e, se preferir, ative (em CC) legendas em português.
Escalada · 15 min
The Good Fight, com Felipe Camargo
Conquistar El Bon Combat teve um desafio emocional extra para Felipe. Em abril, na véspera de encarar a via, ele soube da morte dos alpinistas Hansjörg Auer, Jess Roskelley e David Lama em uma avalanche nas montanhas rochosas canadenses. Ficou destruído: Lama era um de seus melhores amigos e parceiro de escalada. "Ele sempre foi um cara alegre como eu. Era um gênio, uma pessoa fascinante."
Para encarar e conquistar a via 9b espanhola, Felipe reproduziu na academia o que enfrentaria na Europa. E este treino foi crucial para alcançar o objetivo. Um feito que aconteceu menos de duas décadas depois de começar a treinar escalada, em uma das poucas academias disponíveis no Brasil e com estrutura sofrível. Tinha 10 anos e construiu uma imensa explosão muscular, força nos dedos e precisão incrível.
E é disso que estamos falando sobre força nos dedos. Veja abaixo!
Escalada · 1 min
#SePrepara: Uau, com Felipe Camargo
Felipe foi também o primeiro brasileiro a conquistar uma V15 e ainda repetiu o feito na Witness the Fitness, na Espanha, uma das mais tradicionais vias do mundo. Em 2014, escalou o boulder mais difícil da América do Sul, em Ubatuba, litoral norte de São Paulo. Dois anos depois, se juntou à amiga e atleta de escalada Sasha Digiulian e juntos dominaram o maior paredão rochoso da América Latina, a Pedra Riscada, com 1.260 metros, em Minas Gerais.
E se você ainda não ligou o nome à pessoa, em 2017, Camargo ficou famoso para além do universo da escalada ao vencer o reality show da Netflix "Ultimate Beastmaster". "Depois disso, as pessoas começaram a me reconhecer nas ruas e meu Instagram bombou. Muita gente passou a praticar escalada por minha causa", diz.

O futuro

Mas e agora, o que vem por aí? "Há muitas vias na Espanha que pretendo escalar, como o Perfecto Mudo 9b + (5,15c). Quero andar de bicicleta e visitar a Suíça para experimentar o Off the Wagon (V16). E também quero voltar para a China e escalar outro grande arco", conta.
Baixe o app da Red Bull TV e tenha acesso a todos os nossos vídeos! Disponível na App Store e na Play Store.