Copa do Mundo de MTB: tudo que você precisa saber sobre Albstadt

© Bartek Woliński/Red Bull Content Pool
Escrito por Andre T. Piva
Abertura do circuito mundial de MTB cross country promete disputas emocionantes; provas contam com transmissão em português
Albstadt, no sul da Alemanha, é normalmente uma cidade pacífica e sossegada... até a chegada da Copa do Mundo de Mountain Bike cross country.
Siga a Red Bull nas redes sociais Instagram | Twitter | Facebook
O circuito ímpar permite corridas rápidas e emocionantes, que normalmente acabam com disputas em sprint pela vitória. Durante o evento que reúne a elite mundial, também acontece na cidade uma maratona de Mountain Bike aberta ao público, o que ajuda a criar uma atmosfera de festival.

O local

Albstadt é um dos eventos mais aliciantes para os espectadores
Albstadt é um dos eventos mais aliciantes para os espectadores
As minas e as indústrias têxteis são a histórica base econômica da cidade nos montes do sudoeste da Alemanha.
Albstadt tem uma população de 44 mil habitantes e grande parte dessas pessoas não perde um único momento da Copa do Mundo UCI MTB. A Alemanha é um dos países mais apaixonados pelo MTB XCO.

Como é o circuito?

A pista de Albstadt é das mais 'old school' do circuito mundial: tem várias subidas longas e rápidas, ao contrário das habituais escaladas íngremes. A subida de Bullentäle surge logo no início como uma forma de separar os melhores atletas da concorrência.
Veja o que esperar do circuito em Albstadt:
O circuito de 3,15 quilômetros começa e acaba no asfalto no centro da cidade, com uma passagem na floresta que a rodeia. O final proporciona geralmente sprints espectaculares.
Dan McConnell em Nové Mesto 2014
Dan McConnell em Nové Mesto 2014
Foi em Albstadt que Dan McConnell conquistou sua única vitória na Copa do Mundo UCI e há dois anos, Nino Schurter bateu Julien Absalon em sprint num dos finais de corrida mais equilibrados de sempre.

Short Track (XCC)

Em 2018, Albstadt protagonizou a estreia do novo formato de cross country short track. Desde então, o XCC determina as duas primeiras linhas no grid de largada do XCO, substituindo a antiga maneira de decidir a ordem de largada através da classificação geral dos 16 primeiros atletas na etapa anterior ou ranking UCI.
O XCC vai acontecer na sexta-feira (17) numa pista com aproximadamente 1,5 km de extensão, com duração de 20 a 25 minutos. A pista curta começa e acaba no mesmo local da corrida principal, mas não tem passagens estreitas; com isso, a intenção é encorajar a estratégia de corrida. A quantidade voltas por cada corrida de short track será determinada de acordo com as características das etapas. Com isso, os atletas com os 16 melhores tempos largam nas duas primeiras filas de largada e podem ainda ganhar pontos extra para o ranking UCI.
Começou mais um ano de aventura no Campeonato do Mundo de Cross-Country
Começou mais um ano de aventura no Campeonato do Mundo de Cross-Country

Quem vai ser mais forte na Alemanha em 2019?

Como se sabe, Albstadt tem o hábito de proporcionar corridas rápidas e equilibradas, o que torna qualquer previsão de vencedores muito difícil.
Włoszczowska, Belomoina e Neff: o pódio de 2017 na Alemanha
Włoszczowska, Belomoina e Neff: o pódio de 2017 na Alemanha
Elite Feminina: A categoria das mulheres está mais equilibrada do que nunca, por isso o pelotão de favoritas é semelhante em quase todas as corridas: Annika Langvad, Yana Belomoina, Jolanda Neff, Pauline Ferrand-Prévot e Catharine Pendrel. Dependendo da sorte e das variações da forma física e circuito, a vencedora deverá estar quase sempre entre estes nomes.
Elite Masculino: O suíço Nino Schurter já teve vitórias marcantes neste circuito, por isso excluí-lo da lista de possíveis vencedores da etapa seria uma loucura. Mesmo sabendo disso, Mathieu Van Der Poel foi um concorrente de peso para Nino ano passado, assim como o neozelandês Sam Gaze que chegou a derrotar Nino na etapa de abertura em 2018.
Jaroslav Kulhavy é habilidoso também nas descidas
Jaroslav Kulhavy é habilidoso também nas descidas

Brasileiros em ação

Além da presença do número 3 do mundo, Henrique Avancini, atleta presente em todo o circuito mundial, o Brasil estará representado por Luiz Henrique Cocuzzi, atual campeão nacional de MTB XCO, além do ciclista olímpico Rubens Valeriano Donizete e seu companheiro de equipe Guilherme Muller. No feminino, Raiza Goulão continua sua escalada no ranking mundial.

1ª corrida de e-Bike da UCI

Albstadt é realmente um local diferenciado. Após inaugurar o formato short track ano passado, neste ano é a vez da 1ª edição de e-bikes de uma competição homologada pela UCI (União Ciclística Internacional). Apesar de estar apenas no começo das provas oficiais de bicicletas assistidas por motor elétrico, a UCI já anunciou o Campeonato Mundial de E-Bike no final do mês de agosto em Mont Saint Anne no Canadá.
Baixe o app da Red Bull TV e tenha acesso a todos os nossos vídeos! Disponível na App Store e na Play Store.