Marc Marquez
© Gold & Goose/Red Bull Content Pool
MotoGP

Por que Marc Márquez será o maior de todos os tempos

Espanhol chutou a porta da MotoGP, empilha recordes e não vai parar tão cedo
Escrito por Gabriel Curty
3 min de leituraPublicado em
Marc Márquez já é um dos grandes atletas do motociclismo na história. Nascido em 1993, o hexacampeão já mira Giacomo Agostini (8) e Valentino Rossi (7), os que mais títulos conquistaram. Além da precocidade e de ter mudado o estilo de pilotagem do grid todo, o espanhol coleciona grandes momentos na categoria. E nós selecionamos cinco deles para explicar como o piloto da Honda caminha para ser o maior de todos os tempos sobre duas rodas.
MotoGP 2019: Marc Márquez, GP do Japão
MotoGP 2019: Marc Márquez, GP do Japão

Milagre do Estoril

Em 2010, em seu terceiro ano nas 125cc (hoje Moto3), Marc venceu dez provas e, claro, foi campeão mundial pela primeira vez. Mas o GP de Portugal foi absurdo: o espanhol tomou um chão antes da relargada após a chuva, precisou ir aos boxes e saiu em último. O que se viu depois foi, talvez, a maior recuperação da história, batendo o espanhol Nico Terol por 0s150 e o inglês Bradley Smith por 0s212. Uma chegada absurda para uma vitória histórica.
Eu não quero ficar numa área VIP, eu quero estar na pista de dança me divertindo com os meus amigos

Mais jovem campeão

Foram cinco anos de categorias menores até chegar no grid da MotoGP. E Márquez chegou dando as cartas. Seis vitórias, nove poles e inacreditáveis 16 pódios em 18 corridas fizeram do espanhol o campeão mais jovem, com apenas 20 anos e 266 dias, quebrando o recorde de Freddie Spencer que durava 30 anos. Acha pouco? Ainda teve recorde no mesmo ano de mais jovem vencedor de prova e mais pódios numa temporada. Chegou chutando a porta.
Marc Marquez
Marc Marquez

Invencibilidade de mais de meio ano

No gás depois do título de 2013, Márquez partiu para 2014 com toda pinta de que se tornaria imbatível – o que não chega a ser mentira hoje em dia. A primeira metade da temporada foi simplesmente a melhor de todos os tempos: venceu as nove corridas antes das férias. No fim, um bicampeonato dos mais dominantes do esporte, com recorde de poles e de vitórias em um mesmo ano (13 de cada).

Recordista histórico de poles

A pole do GP da Áustria de 2019 foi mais um momento em que Márquez entrou para a história. Além de ter quebrado o recorde do Red Bull Ring com 1min23s027 e colocado mais de 0s4 no resto do grid, o piloto ainda virou quem mais vezes largou na frente, batendo a lenda Mick Doohan com sua 59ª pole. A marca já ficou para trás e não há nenhum sinal de que vai parar por aí. O sujeito colocou a moto em primeiro no grid em mais da metade das provas que disputou.
Quando cheguei à MotoGP diziam que eu era agressivo demais, que corria muitos riscos. Hoje os outros fazem o mesmo
Baixe o app da Red Bull TV e tenha acesso a todos os nossos vídeos! Disponível na App Store e na Play Store.