Música

Veja o que rolou no Coala Festival 2020

© Roncca
Foram quatro dias de esquenta e oito horas de shows, disponíveis para serem revistos de graça
Escrito por Evandro PimentelPublicado em
O sentimento de criar uma experiência potente de música brasileira foi o que orientou o Coala Festival, que rolou no último sábado (12) com apoio da Red Bull. Foram oito horas de shows em meio à natureza, em uma experiência virtual que serviu para nos lembrar do poder que a música tem de nos unir.
Mas como todo bom rolê, a programação começou bem antes, com um esquenta de respeito. Foram quatro dias de podcasts e DJ sets transmitidos do Red Bull Music Studios São Paulo. O primeiro encontro rolou entre os curadores do festival, Gabriel Andrade e Marcus Preto, e a jornalista, apresentadora, radialista e curadora Roberta Martinelli – ouça o papo no player abaixo.
Pra continuar com o nível lá no alto, o responsável pelo primeiro DJ set foi o DJ KL Jay. O grande mestre da discotecagem brasileira nos presenteou com um set finíssimo. Dá o play:
No segundo podcast de esquenta para o Coala Festival 2020, Gabriel Andrade e Marcus Preto tiveram mais uma conversa sobre o ecossistema da música brasileira, dessa vez com o músico, compositor, produtor musical e multi-instrumentista Tim Bernardes. Ouça agora:
A programação de aquecimento terminou na noite anterior ao festival com DJ Nuts. Mago das pickups desde 1990, ele mostrou por que é um dos mais respeitados do Brasil com um set pedrada. Sente só:
Além dos shows de Mariana Aydar e Mestrinho, MC Tha e Rico Dalasam, Novos Baianos, Nego Bala e Gilberto Gil e Gilsons, a primeira edição virtual do Coala Festival contou com discotecagem de Mary G, Shaka + EB, Cinara e Ubunto entre as apresentações – reveja tudo aqui –, completando essa experiência que já entrou para a história da música brasileira.
Baixe o app da Red Bull TV e tenha acesso a todos os nossos vídeos! Disponível na App Store e na Play Store.