Há muitos estilos táticos predefinidos que encaixam no 4-4-2
© Sega
Games

Guia tático do Football Manager 2019

Como retirar o máximo das formações mais populares do FM 2019.
Escrito por Equipa Redbull.pt
Publicado a
As táticas mudaram no Football Manager 2019. A Sports Interactive mexeu bastante com o sistema este ano, tendo introduzido uma série de novas funcionalidades que não tornam todo o processo de desenvolver uma tática bastante mais intuitivo e acessível.
Isto, no entanto, não significa que não seja menos complexo. Como sempre, o FM deste ano traz consigo uma série de opções e funcionalidades para que possas pôr a tua equipa ao teu gosto, sendo que cada uma das tuas decisões pode ser a diferença entre o sucesso e o falhanço. Para que tenhas menos do último e mais do primeiro, trazemos-te algumas dicas sobre as novas funcionalidades e táticas mais populares do jogo.

Como jogar em 4-4-2

Há muitos estilos táticos predefinidos que encaixam no 4-4-2
Há muitos estilos táticos predefinidos que encaixam no 4-4-2
A melhor coisa do 4-4-2 é a sua adaptabilidade. Estejas em que posição estiveres, seja a lutar por títulos, por promoções ou para não ficar no fundo da tabela, há um estilo tático que te servirá, desde o “bola p’ra frente” ao estacionar o autocarro.
Se a tua equipa estiver recheada de extremos talentosos, sugerimos que adoptes um sistema de jogar pelas alas, como podes ver acima. Neste sistema os teus extremos vão procurar cruzar com regularidade enquanto os alas fazem a dobra. O 4-4-2 também beneficia de ter médios defensivos para o apoio, sendo também possível a conversão dos teus jogadores da ala para Extremos Invertidos ou Organizadores Abertos consoante as suas forças.
Dependendo do teu estilo, há diferentes instruções de equipa que funcionam bem com esta formação. Extremos rápidos são bons numa estratégia de contra-ataque quando em transição, sendo sensato não os deixar sair em contra-ataque rápido quando queres segurar uma vantagem tirada a ferros. Quanto à mentalidade de equipa, sugerimos uma abordagem Normal.

Como jogar em 4-2-3-1

O 4-2-3-1 foi uma das formações mais adotadas no FM 2018
O 4-2-3-1 foi uma das formações mais adotadas no FM 2018
A formação mais popular do FM 2018 foi, sem dúvida, a 4-2-3-1, que conta com uma data de variações bem sucedidas. Este ano volta a ser uma das táticas de topo, funcionando bem se estivers no comando de uma equipa grande, que espera dominar o jogo.
Dos quatro estilos predefinidos que encaixam bem com o 4-2-3-1, o Gegenpress é talvez o mais interessante. Este estilo faz com que a tua equipa trabalhe de forma incansável para pressionar o adversário quando está sem posse de bola, pelo que requer jogadores com muito boa resistência e constantes mudanças de 11 (não vais querer estourar as pernas sempre aos mesmos). A maioria destes estilos foca-se em manter a posse de bola e jogar com passes curtos, pelo que irás precisar de ter jogadores capazes com a bola, particularmente na zona central e ofensiva do meio campo.
Esta formação é particularmente eficiente com uma mentalidade mais ofensiva, mas também funciona bem se jogares em Normal. Se deres por ti a ficar com muitos jogadores lesionados, considera deixar o Gegenpress por algo menos intenso.

Como jogar em 5-3-2

O contra-ataque fluido deixa o adversário vulnerável na defesa
O contra-ataque fluido deixa o adversário vulnerável na defesa
Se estás à procura de adotar uma abordagem mais defensiva, o 5-3-2 pode fazer maravilhas. Há dois estilos táticos que encaixam bem nesta formação e não é má ideia ir trocando entre ambos, um mais virado para o contra-ataque, outro mais para a defesa, consoante as tuas necessidades.
Quando optares pelo contra-ataque fluido, vais precisar de alas rápidos e trabalhadores, bem como de médios hábeis a jogar em passe curto. A alternativa a esta ideia de jogo, conhecida como ‘catenaccio’, é particularmente defensiva, focando-se mais em ataque direto e em fazer golos através de bolas paradas. Em qualquer um dos casos, o 5-3-2 poderá não servir para todos os cenários. Contudo, se as probabilidades não estiverem a teu favor, poderá ser uma valente ajuda para sacar uma vitória improvável.
Podes mexer com as instruções da equipa ligeiramente quando usares estes estilos predefinidos, mas não é má ideia manteres-te com os princípios defensivos de cada um dos estilos. Para uma maior eficácia, será bem pensado de restringires a tua equipa a mentalidades muito defensivas ou cautelosas.

Dicas táticas

Dá uma olhada à profundidade do teu plantel na janela Relatório da Equipa
Dá uma olhada à profundidade do teu plantel na janela Relatório da Equipa

1. Tem calma com as instruções à equipa

Com a chegada dos novos estilos táticos, já não precisas mais de definir as tuas instruções à equipa de raiz (a não ser que o queiras fazer). O jogo vai definir algumas instruções nucleares por ti, e, apesar de ser uma boa ideia mexer um bocadinho na coisa e adicionar uma ideia ou outra, não é muito sensato desviares-te demasiado daquilo que o estilo define por ti. São um grande ponto de partida para desenvolveres uma fórmula vencedora.

2. Analisa as fases do jogo

Outra das coisas que o novo sistema de táticas do FM 2019 traz é a capacidade de definir instruções de equipa para diferentes fases do jogo. Isto significa que agora tens mais controlo sobre como a equipa se comporta com posse de bola, em transição e sem posse de bola, permitindo-te fazer ajustes mais precisos a diferentes áreas do teu jogo. Não tenhas medo de brincar com esta funcionalidade, pois com ela poderás deixar a tua equipa verdadeiramente ao teu gosto e perceber com maior exatidão aquilo que funciona para ti ou não.

3. Identifica os pontos fortes da tua equipa

A tática que escolheres para a tua equipa não deve ser feita de forma aleatória, mas sim depois de identificares quais são os seus pontos fortes e fracos. Isto pode ser feito através da janela Relatório da Equipa, que claramente refere quais são as maiores qualidades do teu plantel. O nível de qualidade nos teus alas não corresponde ao do resto da equipa? Então talvez não seja má ideia apostar numa defesa de três homens. O importante é lembrares-te sempre de que não é a equipa que se deve adaptar à tática, mas sim a tática que se deve adaptar à equipa.