Surfing

Justine Dupont surfou a maior onda da sua vida na Nazaré

A surfista francesa surfou com sucesso a maior onda em que já entrou no passado dia 13 de novembro e um novo recorde mundial pode estar à vista.
Escrito por Equipa Redbull.pt
2 min readPublicado a
Passou o dia na água gelada, a surfar durante horas. Viu os outros a voltar para terra, mas decidiu ficar para mais uma.
Foi então que Justine Dupont, 28 anos, enfrentou a onda de uma vida.
Surfing · 1 min
Justine Dupont - onda gigante na Nazaré
"Já estávamos na água há quatro horas", disse. "Estávamos congelados e queríamos sair."
"O nosso amigo André, que estava na falésia com o rádio, disse-nos que estava a chegar um set grande. Vimo-lo e decidimos ficar mais um bocadinho. Assim que o Fred [Fred David, namorado de Justine, que estava de jet ski a fazer o tow-in] me disse para ir para a água eu vi a onda. Parecia enorme!"
Justine Dupont surfa uma onda gigante na Nazaré, Portugal, a 13 de novembro de 2019.
Justine Dupont na maior onda da sua vida, na Nazaré
"Quando larguei a corda senti que estava a ir mais rápido do que o normal. A GoPro dava 66 km/h. Estava a voar. A minha prancha estava a comportar-se lindamente. A sensação de ter algo tão grande atrás de mim foi tão esquisita. A sombra do lip estava muito à minha frente. Queria tanto descer a onda e surfá-la até ao fim."
“Estou tão contente por ter conseguido. Uma onda louca, intensa. A melhor onda da minha vida."
A onda ainda não foi medida, pelo que a surfista brasileira Maya Gabeira ainda detém o recorde da maior onda surfada por uma mulher: 20.7 metros, em outubro de 2018.
A lenda Garrett McNamara deixou a questão nas suas redes sociais. "Parece que pode vir a ser a maior onda alguma vez surfada por uma mulher? Maior onda do dia por qualquer pessoa? Maior onda do ano?"
"Parece que pode vir a ser a maior onda alguma vez surfada por uma mulher?"
Garrett McNamara
Uma surfista de big wave experiente, Dupont admite que este tipo de onda é "difícil de lidar". Os últimos três invernos da francesa foram passados na Nazaré, a treinar para o dia em que uma onda como a que surfou chegasse.
Justine Dupont surfa uma onda gigante na Nazaré, Portugal, a 13 de novembro de 2019.
Justine durante a sessão em da maior onda da sua vida (onda diferente)
Uma menção especial deve ser dada a Clément Nantes, amigo de Justine responsável pela sua segurança num segundo jet ski. A presença de Nantes permitiu a Dupont sentir-se mais confiante e pronta a descer uma onda de tal dimensão.
"Quanto maior a onda, mais rápido vai, mais perturbações enfrentas, mais tempo passas no ar", disse Justine. "Estou tão orgulhosa da nossa equipa e da nossa evolução aqui na Nazaré. Mal posso esperar por continuar a ultrapassar os nossos limites juntos.
“Não sei se foi um recorde, mas é definitivamente o meu recorde pessoal e estou muito orgulhosa disso"